GDCI Projects, News December 14, 2017

Cidade da Gente: Fortaleza redesenhando ruas para as pessoas

[Read the English version]

Image Credits: Marcos Moura/Fortaleza City Hall
Quando técnicos da Prefeitura de Fortaleza apresentaram pela primeira vez a proposta de implantação de uma Área de Trânsito Calmo no bairro de Cidade 2000, os moradores receberam a ideia com cautela. Muitos tinham medo que a intervenção pudesse causar congestionamentos, reduzir a oferta de estacionamento e causar transtornos durante as obras. Ao mesmo tempo, 78% das pessoas entrevistadas em uma pesquisa disseram que se sentiam ‘inseguros’ ou ‘muito inseguros’ em relação ao trânsito motorizado. Algo precisava ser feito a respeito.

Com base em exemplos de outras cidades do mundo, a prefeitura decidiu implantar o projeto em fases, como forma de apresentar aos moradores o potencial de transformação de áreas subutilizadas de estacionamento em uma nova praça para o bairro. Com alguns baldes de tinta, vasos, lixeiras e bancos, a parte sul da Avenida Central foi transformada completamente em não mais que duas noites. O projeto piloto foi inaugurado em 17 de setembro e os resultados foram imediatos e perceptíveis para todos.

 

Transformação

Mais de 1.200 m2 de estacionamento subutilizados foram recuperados como uma nova praça onde as pessoas passaram a podem caminhar, sentar e passar o tempo juntas. Uma faixa de rolamento estreita preserva o acesso de veículos ao local, permitindo entregas, embarque e desembarque e até algumas vagas de estacionamento. Três novas faixas de pedestres foram implantadas, dando clara prioridade ao pedestre. Juntas, estas medidas encorajam os carros a circular em velocidades moderadas e aumentam a segurança e o conforto de todos os usuários da via.

Na nova praça, as crianças do bairro encontram um novo lugar para brincar; vizinhos de todas as faixas etárias encontram bancos para sentar e conversar, ciclistas encontram um caminho mais seguro para pedalar e mesmo o comércio local encontrou novos compradores, que antes não frequentavam a área. Logo após a abertura do projeto, o número de crianças brincando no espaço mais que dobrou. O mar de concreto se transformou no novo coração do bairro.

Image credits: Victor Macedo / Fortaleza City Hall
Image credits: NACTO - GDCI

Resultados e próximos passos

Image credits: NACTO - GDCI

O novo espaço é mais seguro e encoraja novos usos. Antes da intervenção, carros ocupavam 79% do espaço, contra 21% destinados ao pedestre. Depois, a distribuição mudou para 73% pedestres e 27% carros. Como resultado, o número de pedestres caminhando em espaços apropriados aumentou em 350%. Os moradores aprovaram as mudanças: 80% dos entrevistados disseram se sentir ‘seguros’ ou ‘muito seguros’ em relação ao trânsito motorizado, contra 11% antes das transformações. Ainda no mesmo levantamento, 94% dos usuários avaliaram a nova configuração como ‘boa’ ou ‘muito boa’. Por fim, vale ressaltar que as melhorias foram alcançadas enquanto o fluxo de veículos no bairro permaneceu inalterado.

A Cidade 2000 é um ótimo exemplo de como projetos-piloto podem inspirar transformações permanentes. Antes desconfiados, após as transformações os moradores de Cidade 2000 viraram os maiores defensores do projeto, organizando espontaneamente um abaixo-assinado pedindo que o projeto se tornasse permanente. De fato, o projeto foi tão bem sucedido que o prefeito Roberto Cláudio expressou o desejo de incorporar o Cidade da Gente como política pública, expandindo-o para outras áreas da cidade em 2018.

More Updates

My Way to School: Making kids’ journeys to school in Santiago, Chile, safer and more enjoyable

January 23, 2023

My Way to School: Making kids’ journeys to school in Santiago, Chile, safer and more enjoyable

In 2019, the GDCI team selected the capital city of Santiago, Chile, as a Streets for Kids Technical Assistance project. Together with Ciudad Emergente, a Chilean nonprofit, we selected Enrique Soro street as the project site. The project’s main objectives were to establish safe intersections, extend sidewalks, and reduce speeds.

Quito: A Cycling Success Story

December 14, 2022

Quito: A Cycling Success Story

The Global Designing Cities Initiative is committed to reimagining streets as places for people, shaping cities that are healthy, accessible, and equitable for everyone. We also recognize cycling as a safe, efficient, and sustainable mode of transportation. Despite the lack of safe cycling infrastructure that hinders many would-be cyclists around the world from relying on their bikes, there are a number of cities that have made significant progress in recent years. Committed to making its streets more cycle-friendly, Quito, Ecuador, has implemented large-scale, successful cycling infrastructure projects that make it a cycling success story.

Sixty leaders, twenty cities, one focus: How to make better streets for kids

December 1, 2022

Sixty leaders, twenty cities, one focus: How to make better streets for kids

GDCI’s first-ever Streets for Kids Leadership Accelerator welcomed 60 professionals from 20 cities around the world, all working at the intersection of children’s wellbeing and transportation. This competitively selected group came together for twelve online sessions over a six months period for an intensive course in street design best practices. Perhaps most importantly, this was a unique opportunity for them to share ideas, questions, and strategies with each other. Here’s a look back at what went into this program.